Nos acompanhe - Assine o nosso feed e a nossa newsletter

Gostou da INFORESGATE? Nos Acompanhe - Assine o nosso FEED RSS ou a nossa newsletter! E fique sempre informado! :)

Assinar o feed

domingo, 4 de setembro de 2011

G+ e Facebook no Chrome


Extensões instalam botões sociais no navegador, o que facilita o compartilhamento de conteúdo e levanta questões de privacidade

As duas principais redes sociais mundiais, Google+ e Facebook, lançaram, nesta semana, extensões para o Chrome que instalam seus botões sociais na barra de comando do navegador. Com elas instaladas, é possível marcar com “+1″ ou curtir todas as páginas da web e ver quantas pessoas já fizeram isso também.

Para marcar uma página com o +1, basta clicar no ícone no topo direito do navegador. Clicando de novo, o +1 é removido e a ação, desfeita. Dentro do Google+, as páginas gostadas são publicadas na guia +1. Já na extensão do Facebook, é preciso clicar sobre o botão instalado para que uma janelinha onde está o botão Curtir seja aberta.

Na rede social, o link curtido é compartilhado pelo seu mural, como qualquer outra página marcada com o “joinha”. Vale chamar a atenção, no entanto, que essa ação é diferente de curtir uma página pelo plugin instalado pelo próprio site – nesse caso, você estará usando um atalho para curtir a página que determinada publicação, marca ou banda mantém no Facebook. Pela extensão, está apenas curtindo um link e o compartilhando com seus amigos pela rede social.

Outra diferença entre os dois aplicativos é que o do Facebook mostra quantas pessoas curtiram uma página mesmo quando o usuário não está logado na rede social. Já o do Google só mostra essa informação se está conectado na conta Google.


Pegadinhas de privacidade. Plugins de redes sociais dão ao usuário a certeza de que ele poderá compartilhar qualquer página da internet sem depender de que os sites instalem os plugins sociais que associam as redes a suas páginas. Mas eles também trazem sutis implicações na privacidade da navegação.
Por enquanto, a extensão do Google+ apenas compartilha conteúdo pela rede social. No entanto, como pontua o TechCrunch, essas marcações podem, eventualmente, ser usadas como informações que afetam a própria busca do Google, que é influenciada pela quantidade de “+1s” que uma página recebe.

Afetando a busca, afeta também a quantidade de informações sobre os usuários que normalmente efetuam tal pesquisa, algo valioso para o sistema de publicidade redirecionada do Google.

Na descrição do app na Chrome Web Store, diz o Google:
“Além das práticas descritas na Política de Privacidade do Botão do Google +1, quando você instala essa extensão, todas as páginas e URLs que visitar serão enviados para o Google recuperar as informações sobre +1. Essas informações incluem, por exemplo, se você já marcou a página com +1 anteriormente e quantas pessoas já fizeram o mesmo.”

O texto diz claramente “todas as páginas e URLs que visitar” e não “que marcar com +1″, então, uma vez instalada, a extensão envia constantemente informações ao Google – inclusive para a empresa poder dizer se você mesmo já marcou a página e quantas pessoas mais fizeram isso.

Processo semelhante ocorre com a extensão do Facebook, que precisa estabelecer conexão com a rede social para determinar quantos usuários já marcaram aquela página.

Diz a descrição da extensão: “Enquanto o plugin estiver instalado, ele irá mostrar o número total de pessoas que curtiram a página que você está vendo. Para proporcionar uma experiência personalizada, o Facebook irá ver algumas informações técnicas como a URL da página que você está, seu endereço de IP, data e horário em que visitou o site. Todas as informações coletadas antes de você se logar no Facebook são anônimas ou agregadas e não irão identificá-lo”.

Os dois aplicativos estão disponíveis na Chrome Web Store (Google + e Facebook) e são gratuitos. Ainda não há versões para outros navegadores.


Abraços,

Ricardo Aguero
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Info Resgate Headline Animator

Ocorreu um erro neste gadget